Contribuinte saberá em 24 horas se caiu na malha fina

A Receita Federal anunciou ontem as regras para enviar a declaração do IR 2019.

Uma das novidades é que o contribuinte poderá ser informado, em menos de 24 horas, se caiu na malha fina.

Segundo o supervisor nacional do IR, Joaquim Adir, o sistema de cruzamento de dados foi aprimorado para agilizar os resultados.

Segundo ele, no ano passado, levava 15 dias, em média.

O auditor pondera que o alto fluxo de declarações nos primeiros e nos últimos dias do prazo pode ampliar um pouco o tempo para que essa notificação seja feita.

Erros ou atrasos nas declarações entregues pelas empresas podem provocar variações.

O supervisor de IR da Receita, Joaquim Adir, explicou que eventuais pendências que apareçam precisam ser analisadas com cautela. Podem ser apenas uma demora de envio de dados, do empregador, por exemplo, já que todos os dados são sujeitos a cruzamentos.

De acordo com Marcelo de Melo Souza, subsecretário de Gestão Corporativa da Receita, pode haver atraso para essa consulta, tanto no seguinte à entrega quantos nos últimos dias do prazo — de 7 de março a 30 de abril.

Referencias | Leia na Integra
https://agora.folha.uol.com.br/grana/2019/02/1986990-contribuinte-sabera-em-24-h-se-esta-na-malha.shtml
https://noticias.r7.com/economia/ir-2019-contribuinte-sabera-no-dia-seguinte-se-caiu-na-malha-fina-22022019

Obs: Nosso interesse principal e indicar conteúdo relevante para vocês, descrevemos breves parágrafos neste artigo, para leitura na integra visite os sites de referencia acima